Artigos

Como simular a aposentadoria pela internet?

Como simular a aposentadoria pela internet?

Há algum tempo o INSS tem melhorado os serviços disponíveis no Meu INSS; um deles é a opção de simular aposentadoria pela internet.

O que é o Meu INSS? É um sistema criado para facilitar a vida do trabalhador. Mesmo sabendo de tantos problemas na Previdência Social, esse aplicativo é um ponto positivo para o INSS.

Nesse sistema, é possível pedir benefícios da Previdência sem sair de casa, acessando tudo pela internet, seja no computador ou celular. Inclusive, tem outras informações que você pode acessar no Meu INSS.

Esses serviços extras são acessados na mesma página meu.inss.gov.br, incluindo a carta de concessão do benefício, o extrato previdenciário (CNIS), cumprimento de exigência e a simulação de aposentadoria.

Como fazer o cadastro no Meu INSS?

O Governo Federal tem um sistema chamado gov.br, e o Meu INSS utiliza esse mesmo cadastro para facilitar o acesso aos serviços do governo.

Após fazer o cadastro, você pode acessar diversos serviços do Governo Federal, como o Meu INSS, a carteira de trabalho digital, o CPF digital e vários outros. 

Como fazer o cadastro? Atualmente, tem muitas formas para você se cadastrar no gov.br. Confira:

  • Apenas com o número do seu CPF, nome completo e data de nascimento;
  • Validação facial pelo aplicativo Meu gov.br (se você já tiver feito o recadastramento do seu título de eleitor ou a CNH digital);
  • Número da conta e senha do Banco do Brasil; e o
  • Certificado digital.

No cadastro, é solicitada a confirmação de alguns dados pessoais, como:

  • o seu nome completo; e a
  • data e local de nascimento.

Depois, você precisa confirmar informações como o nome de familiares próximos, últimos empregos ou endereços em que morou.

Por quê? Essas confirmações servem para evitar fraudes, para que outras pessoas não consigam fazer o cadastro apenas se tiver os seus dados básicos.

  • Clique aqui e conheça outras formas de acesso ao Meu INSS.

O que é a simulação de aposentadoria?

O simulador de aposentadoria é um serviço do Meu INSS, ele faz o cálculo automático para saber se você já tem direito, ou não, de se aposentar pela Previdência Social.

Quando você acessa o sistema, ele informa a sua idade e o tempo de contribuição para Previdência, além de informar se você já pode se aposentar e em qual categoria.

Logo após a aprovação da reforma da Previdência em novembro de 2019, a opção de simulação foi desativada. mas, em abril de 2020, o simulador de aposentadoria voltou a funcionar. 

Hoje, é possível fazer 7 formas de cálculo no simulador da aposentadoria: 

  • 2 cálculos de aposentadoria por idade, incluindo a regra antiga de aposentadoria + a regra de transição;
  • 5 cálculos de aposentadoria por tempo de contribuição, incluindo a regra antiga de aposentadoria + 4 regras de transição.

O simulador utiliza as informações que têm no seu extrato previdenciário (CNIS). Por isso, se tiver dados incorretos no extrato, a simulação não fica exata.

Porém, é possível incluir de forma manual algum vínculo de emprego ou tempo de serviço. Mas isso serve apenas para fazer a simulação, não para corrigir no sistema.

Como simular aposentadoria pela internet? 

No site ou aplicativo Meu INSS, é possível simular a sua aposentadoria pela internet, sem precisar sair de casa. No Meu INSS, você deve seguir os seguintes passos:

  • acesse o site meu.inss.gov.br ou baixe o aplicativo para Android ou iOS;
  • clique em “entrar” se você já tiver senha cadastrada; ou clique em “cadastrar senha” para fazer o seu cadastro;
  • no início, clique na opção Simular Aposentadoria

Agora, você já tem acesso à simulação da sua aposentadoria! No final da página tem a opção “baixar PDF” para salvar todo o documento.

Logo no início, é informada a sua idade, sexo e o tempo de contribuição para a Previdência. Depois, o sistema traz as informações se você tem direito, ou não, a alguma aposentadoria do INSS.

No entanto, comentei que é possível incluir, de forma manual, algum vínculo de emprego ou tempo de serviço. Mas essa inclusão serve apenas para simular o benefício, porque não é alterado de maneira definitiva no sistema.

O que fazer se tiver informações incorretas?

Se você encontrou erros nas informações, é porque estão erradas no seu extrato CNIS, mas é possível pedir a atualização dos dados pelo sistema Meu INSS.

Recomendo que peça essa atualização de maneira antecipada, porque se esperar o tempo passar, pode ser que você perca os documentos.

Clicando aqui você tem acesso à documentação necessária para atualizar os dados. No sistema Meu INSS ou no aplicativo, siga os seguintes passos:

  • acesse com seu CPF e senha, depois busque por atualizar > clique em Atualização de Dados Cadastrais > preencha as informações e anexe os documentos.

O INSS vai analisar o seu pedido e responder por e-mail ou pelo sistema Meu INSS. Não há um prazo certo para finalizar essa análise.

O que achou deste artigo? Não esqueça de compartilhar e continue acompanhando nosso blog para saber tudo sobre o INSS.

No entanto, se tiver problemas em relação aos benefícios do INSS, ou eles estão demorando muito na análise do seu pedido, recomendo que fale com advogadas especialistas em INSS para ter a melhor orientação!

▶️ Clique aqui para falar com especialistas em INSS e Previdência Social

▶️ Acesse nossas redes sociais: Instagram | Facebook | Jusbrasil

Compartilhe esse conteúdo
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Queremos entender melhor o seu caso e te ajudar de acordo com sua necessidade.