Artigos

Como preencher a Guia da Previdência Social – GPS

Como preencher a Guia da Previdência Social – GPS?

Preencher a Guia da Previdência Social — GPS é um desafio para quem não está acostumado a fazer isso, porém, é essencial fazer de maneira correta, porque é desse modo que você paga a Previdência e pode receber os benefícios do INSS.

Isso porque existem casos em que os próprios segurados do INSS devem recolher por conta própria sua contribuição para a Previdência Social, incluindo os contribuintes individuais e facultativos.

Conheça agora o que é e como preencher a Guia da Previdência Social — GPS.

O que é GPS?

A Guia da Previdência Social, ou GPS, é a ficha de recolhimento das contribuições para o INSS. Quando você mantém em dia esse pagamento tem acesso a todos os benefícios previdenciários.

Os benefícios como auxílio-doença, salário-maternidade, auxílio-reclusão, pensão por morte, e a tão sonhada aposentadoria são direitos dos contribuintes.

Por isso é tão importante estar em dia com a Previdência, pois nunca se sabe quando você vai precisar.

Nesse caso, você mesmo pode preencher a GPS pela internet ou de forma manual, que é o caso dos carnês, vendidos nas papelarias ou livrarias.

O pagamento pode ser feito em bancos conveniados, lotéricas ou, ainda, através de débito em conta bancária.

Quem precisa preencher a GPS?

Em regra, são os trabalhadores que exercem suas atividades por conta própria, como autônomos, profissionais liberais e empresários, devem preencher a GPS por conta própria.

Além disso, o profissional desempregado, dona de casa, estudante e segurados especiais que contribuem, também devem emitir a GPS.

Isso porque quando o trabalhador tem carteira assinada, esse recolhimento é responsabilidade da empresa, porém aqueles que trabalham sem vínculo, são responsáveis pelo preenchimento e pagamento.

Nesse caso, a contribuição é feita através da emissão da Guia da Previdência Social (GPS), que deve ser corretamente preenchida.

Como emitir e preencher a GPS?

O meio digital é a maneira mais utilizada para preencher a Guia da Previdência Social — GPS, apesar de muitos ainda usarem o carnê previdenciário, mas é importante ter letra legível e que não tenha rasuras.

As novas gerações estão migrando para o preenchimento eletrônico. E é nesse modelo que vamos exemplificar aqui.

  • Acesse o site da Receita Federal (clique aqui)
  • Selecionar a opção “Contribuintes Filiados a partir de 29/11/1999”

  • Marque a opção em que você se encaixa: Contribuinte Individual, Doméstico, Facultativo ou Segurado Especial
  • Informar o número do NIS/PIS/PASEP
  • Preencher as letras e números do Captcha e clique em Confirmar
  • Verifique seus dados pessoais e clique em Confirmar
  • Incluir a Competência (mês) a ser paga e o Salário de Contribuição, que é o salário base ou remuneração do mês

  • Selecionar código de pagamento: 1007 contribuinte individual normal; 1163 no plano simplificado; 1120 com desconto de 45% para famílias de baixa renda
  • Opção: Confirmar
  • Selecione as competências e clique em Gerar GPS

Por fim, lembro vocês que para o contribuinte individual existe a opção de recolher a contribuição previdenciária pelo plano simplificado (alíquota de 11% – Código 1163). 

Todavia, ao optar pelo plano simplificado,  você abre mão da aposentadoria por tempo de contribuição.  Porém, é possível complementar as contribuições, pagando a diferença para a alíquota normal de 20%.

Lembrando que a data de pagamento é sempre até o dia 15 do mês seguinte.

Preencher a GPS manual

Caso queira saber como preencher de forma manual, veja abaixo o modelo da GPS e as instruções de preenchimento. A data de pagamento também é até o dia 15 do mês seguinte.

Observe o preenchimento campo a campo.

  • Campo 1: indicar o nome do contribuinte, telefone e endereço
  • Campo 2: nesta área é preciso informar a data de vencimento
  • Campo 3: o contribuinte deve inserir o código de pagamento de sua categoria
  • Campo 4: deve-se informar a Competência, com o mês/ano de referência do recolhimento
  • Campo 5: é a área do Identificador, deve inserir o número do NIT/PIS/PASEP do contribuinte
  • Campo 6: neste campo se deve colocar o valor devido ao INSS pelo trabalhador
  • Campo 11: é preciso inserir o valor total a ser recolhido ao INSS

Como pagar a GPS?

Vamos falar sobre 4 modalidades de pagamento da Previdência Social. Confira a lista abaixo: 

Casas Lotéricas

É possível realizar a contribuição previdenciária em uma casa lotérica, porém o limite é de R$ 1.000.

Essa opção possibilita o recolhimento em horário diferenciado do atendimento bancário, conforme horário normal de atendimento da lotérica.

Internet

Como você já sabe, também é possível realizar o pagamento da Guia através da internet.

Após acessar o site ou aplicativo do banco, procure a opção de pagamentos, depois Convênio. Mas alguns bancos centralizam essas opções apenas em Pagar com Código de Barras.

Porém, caso você queria pagar uma guia que preencheu de forma manual, deve selecionar a opção Pagar sem Código de Barras

GPS – Débito em Conta

Você pode realizar o pagamento da sua guia utilizando o débito em conta, para isso basta realizar o cadastramento antecipado para autorizar o agendamento do débito, que será realizado mensalmente na conta indicada.

GPS – Caixas Eletrônicos

É possível também realizar o pagamento através de caixas eletrônicos do bancos.

Conclusão

Entendemos agora como preencher a Guia da Previdência Social – GPS. Depois, como pagar essa guia nos bancos, internet banking ou lotéricas.

Se tiver mais dúvidas ou problemas, recomendamos que fale com um advogado especialista em INSS.

▶️ Clique aqui para falar com especialistas em INSS e Previdência Social

▶️ Acesse nossas redes sociais: Instagram | Facebook | Jusbrasil

Compartilhe esse conteúdo
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Queremos entender melhor o seu caso e te ajudar de acordo com sua necessidade.