Artigos

Meu INSS: como calcular o prazo para a aposentadoria?

Meu INSS: como calcular o prazo para a aposentadoria?

Após longas discussões, a reforma da Previdência passou a valer em 13 de novembro de 2019. A partir desta data tivemos muitas mudanças na aposentadoria e nos demais benefícios do INSS.

Essas alterações nas regras de aposentadoria trouxeram muitas dúvidas para os trabalhadores, em especial, àqueles que estavam próximos de pedir o benefício ao INSS.

Por isso, você pode usar a calculadora do Meu INSS para fazer a simulação da sua aposentadoria. Inclusive, é possível saber se você tem direito adquirido para aproveitar as antigas regras.

Como calcular a aposentadoria no Meu INSS?

Atualmente, é possível fazer sete cálculos diferentes no simulador do Meu INSS:

  1. Aposentadoria por idade;
  2. Aposentadoria por tempo de contribuição;
  3. Aposentadoria por idade (aplicando as regras de transição);
  4. Aposentadoria por tempo de contribuição – Pontos;
  5. Aposentadoria por tempo de contribuição – Idade;
  6. Aposentadoria por tempo de contribuição – Pedágio 50%;
  7. Aposentadoria por tempo de contribuição – Pedágio 100%;

Para calcular a aposentadoria no Meu INSS, você deve seguir estes passos:

De forma automática, o sistema informará as sete formas que comentei acima sobre os cálculos da aposentadoria. Isso é possível porque o governo tem todas as informações no seu banco de dados.

Esses dados são do Extrato CNIS (ou Extrato Previdenciário), mas é possível que algumas informações estejam indisponíveis ou incorretas. Assim, é possível incluir de modo manual apenas para a simulação, clique na opção indicada abaixo:

Como pedir a aposentadoria no Meu INSS?

Atualmente, o pedido de aposentadoria do INSS é mais prático. Você pode pedir pelo telefone 135 ou pela internet, no site ou aplicativo Meu INSS.

O Meu INSS foi criado para você acessar os serviços do INSS e da Previdência Social pelo computador ou no aplicativo para celular (Android ou iOS).

Nesse sistema, é possível pedir a aposentadoria sem sair de casa, acessando tudo pela internet. O Meu INSS utiliza o mesmo cadastro dos outros sistemas do Governo Federal, chamado de gov.br.

Você mesmo preenche as informações, envia os documentos (em PDF) e faz a solicitação para o INSS. No Meu INSS ou no aplicativo, você deve seguir os seguintes passos:

  • acesse o site gov.br/meuinss ou baixe o aplicativo para Android ou iOS;
  • clique em “entrar” se você já tiver senha cadastrada; ou clique em “cadastrar senha” para fazer o seu cadastro;
  • no início, digite na caixa de pesquisa “aposentadoria” e clique na opção abaixo:
  • agora, atualize os seus dados e clique “avançar”, depois clique em “continuar”, leia as próximas informações e clique novamente em  “avançar”;
  • siga os passos informados no sistema, selecione as opções de acordo com o benefício desejado; agora, você vai chegar na tela abaixo, confirme se todos os dados pessoais estão preenchidos de forma correta;
  • nessa mesma tela acima, ao rolar a página terão os campos para enviar os documentos, clique no sinal de + para anexar todos os documentos, depois clique em “avançar”;
  • selecione a agência do INSS mais próxima da sua residência e clique em “avançar”;
  • escolha o banco mais próximo para você e clique em “avançar”;
  • confira todas as informações com bastante cuidado, se estiverem corretas, clique em “Declaro que li e concordo com as informações acima”, depois clique em “avançar”.

Agora, você terminou de fazer o pedido da sua aposentadoria do INSS. É possível acompanhar o andamento pelo Meu INSS ou ligar no telefone 135.

Se faltar algum documento, você pode ser notificado para ‘cumprir exigência’, ou seja, para enviar algum documento pelo Meu INSS ou entregar na agência da Previdência.

Essa notificação pode acontecer por ligação, SMS ou e-mail. Mas o INSS apenas informa que tem essa pendência de documentos, não pede nenhum dado pessoal ou do benefício.

Nunca clique em links que enviarem para você, nem informe os seus dados ou algum código. Acesse tudo pelo sistema Meu INSS ou ligue no telefone 135.

Entretanto, se você tiver dúvidas ou dificuldade em fazer o seu pedido de aposentadoria no INSS, recomendo que procure agora mesmo uma advogada especialista em Previdência.

Inclusive, se o seu pedido estiver demorando ou for negado pelo INSS, é ainda mais recomendado que você busque esse auxílio jurídico.

Com a negativa do pedido, é possível contestar a decisão no próprio INSS ou, ainda, iniciar uma ação judicial para que um juiz analise o seu direito à aposentadoria.

▶️ Clique aqui para falar com especialistas em INSS e Previdência Social

▶️ Acesse nossas redes sociais: Instagram | Facebook | Jusbrasil

Compartilhe esse conteúdo
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Queremos entender melhor o seu caso e te ajudar de acordo com sua necessidade.